7 DICAS PARA SE FAZER UMA BOA COMPRA ONLINE

06/07/2017 10:37

O mercado de compras online vem crescendo a cada dia no Brasil, não é a toa que foi um dos poucos setores que apresentou crescimento mesmo em meio a crise que protagoniza o cenário brasileiro. Isso significa que tem mais pessoas comprando online. Porém, ainda existe uma grande resistência a esse tipo de compra, isso devido a empresas que deixam a desejar quando o assunto é integridade e idoneidade. Por isso devemos tomar certos cuidados ao buscar consumir no mercado online. Vejamos a baixo algumas dicas para facilitar suas compras e não ter surpresas desagradáveis ao receber o produto comprado.

1 – Compare Preços Antes de Efetiva à compra.

Apesar de ser um ambiente diferente do convencional à lógica da compra online é parecida com o tipo de compra que estamos acostumados a fazer. Quando estamos procurando algum produto específico entramos numa loja, perguntamos a um vendedor, se a loja possuir o produto e estiver em um preço que esta ao nosso alcance então concretiza-se a compra, do contrário saímos e procuramos o produto em outra loja.

 A lógica em um site de compra é a mesma, porém muito mais simples e cômoda. Cada site que você entra é uma loja, normalmente os sites de compras têm campos para perguntas e resposta, então você pode se informar sobre o produto, e se o preço não estiver dentro de suas condições, facilmente você pode ir para outro site e procurar pelo produto desejado, isso sem nem sair da sua cadeira.

Com essa facilidade para pesquisar, é bom que não compre no primeiro site que você acessar, é comum encontrarmos o mesmo produto em diversos sites diferentes com preços diversos, em então não deixe de comparar os preços de um site com o outro, certamente você encontrará um que atende as suas necessidades. Mas lembre-se preço não é o único fator a ser analisado em uma compra online, vamos ver outros fatores a seguir.

2 – Verifique se a loja informa em seu site qual é o CNPJ, telefone e endereço.

No dia 14 de maio de 2013, entrou em vigor o Decreto Federal de número 7962/13, onde encontramos uma série de normas que ajudam a regulamentar o e-commerce no Brasil. Dentre essas normas esta a que obriga o lojista online a mostra em local visível os dados de endereço, CNPJ e telefone. Isso facilita a pesquisa da empresa na internet, com esses dados você pode descobrir, por exemplo, se a empresa possui muitas reclamações no “Reclameaqui”, e possui muitas causas no PROCON, entre outras informações pertinentes para saber sobre a reputação desta no mercado e como é a relação dela com seus consumidores.

3 – Pesquise sobre a qualidade e reputação da loja.

Com a facilidade de se montar um site e o baixo custo que se é manter ele online, é comum encontramos diversas empresas com nomes mais diversos possíveis, e que certamente nunca ouvimos falar. Por isso é bom tomarmos o cuidado de pesquisar sobre a loja, se ela forneceu as informações que falamos a cima, facilmente descobrirmos informações sobre a empresa, sites como Reclameaqui, por exemplo, traz as reclamações de consumidores insatisfeitos com alguma situação ocorrida no momento da compra. O Buscapé também fornece avaliações sobre as lojas que atua no ecommerce. No PROCON encontramos uma lista de empresas não recomendadas.  Caso não encontre informações nenhuma sobre a loja, mesmo ela fornecendo os dados já falados, aconselhamos que, por mais que o preço esteja atrativo, não conclua a compra.

4 – Certamente o objetivo das lojas, de forma nenhuma é dar prejuízo, por isso desconfie de preços a baixo da média.

Certamente já ouvimos falar destes casos, um produto que cujo preço oferecido esta muito abaixo do normal, a nossa primeira reação é comprar logo, pois um preço destes dificilmente encontraremos novamente. Fazemos a compra, e quando o produto chega, e junto com produto a surpresa: um peso de papel no lugar de um celular. Ou então, um dos cooperadores da empresa nos liga e explica o que ocorreu para o preço esta daquela forma e que será necessário cancelar o pedido. Então as expectativas em relação à posse do produto comprado.

Para evitar essas situações, uma boa prática é utilizarmos os canais disponíveis para comunicação com a empresa que esta oferecendo o produto. Certamente um site confiável e de credibilidade, disponibiliza campos para perguntas, chats, email e telefone para contato, então ao ver um preço muito abaixo do mercado não hesite em entrar em contato. Se o preço realmente proceder você terá certeza que irá receber o produto desejado e aproveitará o preço imperdível, porém se o preço não for real você não terá todo o desconforto de colocar todos os seus dados em risco por algo que não receberá.

5 – Fique atento à discrição que é feita pelo lojista.

A grande dificuldade em compras online encontra-se no fato de não tocar o produto, ou visualizarmos de perto. Para isso o lojista deve contornar essa situação oferecendo o máximo de informações sobre o produto para que o cliente tenha plena certeza do que esta adquirindo através do site. Não existe um padrão de informações a serem colocadas, mesmo por que estas irão variar de acordo com a categoria do produto. Porém existem informações mínimas que devem constar em todos os produtos, são elas: preço de frete, se possui ou não garantia, e se possui garantia quanto tempo, prazo de entrega, se há alguma restrição de localidade para entrega.

Como já foi falado, quanto mais informações tiver descrito na tela do produto melhor para o cliente, porém nem sempre as informações apresentadas irão sanar todas as dúvidas sobre o produto. Nesse recorra aos mecanismos de comunicação que a empresa disponibiliza, seja eles espaço para perguntas, chats, email, entre outros.

Caso a empresa disponibilize pouca informação sobre o produto, não possui nenhum mecanismo de contato para sanar suas dúvidas sobre os produtos, ou se negue passar informações sobre o produto oferecido, não feche a compra e evite dor de cabeça.

 7 – Não faça suas compras em computadores de uso coletivo.

É comum em alguns lugares o uso de Lan Houses, para acesso a internet. Porém não é aconselhável fazer compras online a partir destes estabelecimentos, pois pelo fato de ser de acesso público a segurança dos computadores é bem questionável, lembre-se você esta colocando dados sigilosos e que uma vez descobertos podem trazer sérios problemas. Por isso é aconselhável que esse tipo de compra seja feita de um computador pessoal e que você tenha certeza que não possui nenhum tipo de vírus. Isso tudo para garantir que seus dados não sejam vazados.

Finalizando

Diante de um dia a dia tão dinâmico e corrido fazer compras da forma convencional pode ser complicado, uma vez que você vai precisar se deslocar e ter tempo para ir de loja em loja pesquisando o melhor preço. Então a compra online é a uma boa opção. A cada dia que passa é uma prática comum entre os consumidores brasileiros. Problemas sempre poderão ocorrer, mas atentando a esses detalhes que citamos, é uma forma de reduzir a probabilidade de ocorrerem. Assim usufruindo de todos os benefícios que a compra online pode lhe trazer.

Compartilhe:
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
Categorias: